O Livro do Mozilla: Profecia ou Brincadeira?

Eu estava andando sobre a net e então eu descobri que se você escrever about:mozilla  no seu navegar do Mozilla aparece uma mensagem que parece uma passagem mudada da bíblia e então eu fui no meu navedor e realmente aparece a mensagem e é bem assustadora, pois realmente parece um tipo profecia. Eu resolvi fazer uma análise retirada de varios lugares e vamos ver o que vocês vão achar:

 O Livro do Mozilla (originalmente: The Book of Mozilla) é um easter egg encontrado nos navegadores de internet Mozilla, Firefox, Netscape, SeaMonkey e K-Meleon. Pode ser visto quando na barra de endereços é digitado about:mozilla . Trata-se de informações em uma linguagem aparentemente antiga e religiosa. O conteúdo pode variar muito, dependendo de qual navegador e versão o usuário esteja utilizando. Os textos são apresentados na cor branca sobre fundo colorido (vinho ou azul). No final sempre está escrito: from The Book of Mozilla, (de O Livro de Mozilla,) e depois da vírgula são mostrados algo como capítulo e versículo.
Easter egg: Em informática, um ovo de páscoa (ou easter egg, tradução para o inglês, como é mais conhecido) é qualquer coisa oculta, podendo ser encontrada em qualquer tipo de sistema virtual, incluindo músicas, filmes, videogames e etc. Nunca deve ser confundido com mensagem subliminar, pois esta é uma coisa que o ser humano não percebe logo na primeira vista, deve analisar
 
Obs da Kath: Essa é a mensagem que apareceu recentemente para mim
Não existe nenhum livro com o título The Book of Mozilla na realidade. Entretanto, suas passagens são semelhantes ao livro do Apocalipse, da Bíblia. Há cinco versões oficiais dos textos (oficiais porque há versões falsas) e demonstram fatos importantes da história da Mozilla Foundation, trocando nomes e utilizando parábolas. A ordem dos cápitulos e versículos mostrados por ordem da versão são: 12:10, 3:31, 7:15, 11:1 e 11:9.
Nas versões antigas do Internet Explorer, aparece uma tela azul sem nada escrito (semelhante a BSOD), nas versões atuais, é necessário digitar res://mshtml.dll/about.moz.

E quando a Besta tinha tomado um quarto da Terra sobre seu domínio, um quarto de cem Pássaros de Enxofre voou das Profudenzas. Os pássaros cruzaram centenas de montanhas e encontraram vinte e quatro homens sábios que vieram das estrelas. E então começou, os crentes se atreveram a ouvir. Em seguida, pegaram suas canetas e se atreveram a criar. Finalmente, eles ousaram compartilhar seus escritos com toda a humanidade. Espalhando palavras de liberdade e rompendo as correntes, os pássaros trouxeram libertação para todos.
Do Livro de Mozilla, 11:1

A primeira versão do O Livro de Mozilla foi a 12:10 faz alusão ao dia 10 de dezembro de 1994, data de liberação da besta (Netscape). Apareceu pela primeira vez no Netscape 1.1, lançado em 1995. Esta versão se manteve até o Netscape 4.x. A mensagem exibida é:
And the beast shall come forth surrounded by a roiling cloud of vengeance. The house of the unbelievers shall be razed and they shall be scorched to the earth. Their tags shall blink until the end of days.
from The Book of Mozilla, 12:10

 Tradução: E a besta sairá cercado por uma nuvem de vingança. A casa dos descrentes será demolida e eles serão chamuscados à terra. Suas marcas devem piscar até o final do dia.

Em 10 de maio de 1998, Jamie "JWZ" Zawinski mudou o verso de O Livro de Mozilla em razão de a Netscape ter disponibilizado o código fonte de seu navegador como open source e iniciado o Projeto Mozilla. O verso foi incluído em todas as versões até Outubro de 1998, quando uma modificação no código do Mozilla fez com que o easter egg fosse perdido. Em 5 de fevereiro de 2000, Ben Goodger, trabalhando para a Netscape, copiou O Livro de Mozilla para o novo código. Ele foi incluído em todas as versões subsequentes do Mozilla (até a introdução do verso 7:15).
O verso apresentado é o seguinte:


Tradução: E a besta deve ser feita uma legião. Seus números serão aumentados mil vezes mil. O barulho de um milhão de teclados semelhante a uma grande tempestade cobrirão a terra, e os seguidores de Mammon tremerem.
Mas o que é Mamon? Na antiguidade, conforme sabemos, eram cultuados muitos deuses. Mamon, contudo, não era o nome de uma divindade e sim um termo de origem aramaica que significava dinheiro, riqueza.

Tambem tem outra mensagem se você escrever about:robots:
 


Bom gente vocês podem continuar usando o seu Mozilla que não vai interferir em nada, mas se você tiver curiosidade é só escrever e ver a mensagem, apenas para os curiosos...

Bjuss


Katherine

6 comentários:

  1. Nofa eu fiz isso. Me deu um medão cara /mentira
    ashaushaushauhs
    Os carinha do mozila estao tramando contra o mundo e..-qqqq
    Mto bom o post parabens

    ResponderExcluir
  2. Sinistro Kath +1
    Apareceu mesmo!

    Bjs
    Mel

    ResponderExcluir
  3. Cuidado como queposta, pois você não sabe o que pode lhe esperar por expor algo que você não tem certeza...
    Uma dica de um "sabido" amigo ...

    Amon

    ResponderExcluir
  4. mau medo do about:robts os robos e mamoom vai dominar a terra

    ResponderExcluir

 
Layout feito por Adália Sá | Não retire os créditos